Saúde alerta sobre riscos de golpe de falsos agentes em visitas às casas | OlímpiaNaBalada.com | Se você não quer aparecer não deixe o Walthinho te ver! Documento sem título
 

Notícias

Saúde alerta sobre riscos de golpe de falsos agentes em visitas às casas

access_time12/03/2019

Saúde alerta sobre riscos de golpe de falsos agentes em visitas às casas

Com a intensificação das ações de combate à dengue e ao escorpião, a Prefeitura da Estância Turística de Olímpia, por meio da secretaria de Saúde, desempenha diversos serviços, principalmente, a busca ativa de criadouros casa a casa e realização de nebulizações.

Em decorrência destes trabalhos de visitação durante os meses de maior incidência de casos, a Saúde faz um alerta aos moradores sobre a possível abordagem de falsos agentes, que podem intenções maldosas.

Para evitar esses crimes, a secretaria reforça que os funcionários que atuam como Agentes de Saúde trabalham totalmente uniformizados e identificados com crachá. Para realizar a nebulização, o agente se identifica ao morador e explica o procedimento. Somente após este processo, um agente equipado com o nebulizador adentra o imóvel para efetuar o serviço.

“A visita às residências é um dos principais trabalhos realizados pela Saúde para identificar e eliminar possíveis criadouros de dengue e de alojamento de escorpiões. Infelizmente, existem pessoas que se aproveitam dessa situação e acabam atrapalhando as ações de combate às doenças. Pedimos a colaboração da população para não impedir o trabalho dos agentes, mas os moradores devem ficar atentos à identificação do funcionário e, em caso de suspeita, nos contatar”, ressalta o secretário de Saúde, Marcos Pagliuco.

A Saúde salienta que quando o morador tiver dúvida sobre a procedência da visita deve entrar em contato com o Controle de Vetores pelo telefone (17) 3281-2879 ou com a secretaria de Saúde, pelo (17) 3279-1400. Ao entrar em contato com o setor, o morador deve indicar o endereço e, se possível, fornecer o nome do funcionário para checagem e confirmação do setor.

Compartilhe